Oba! O blog está crescendo!

Semana passada, quando coloquei esse post na programação, o blog estava quase alcançando 10.000 visualizações. Hoje nós já ultrapassamos 13.000. Sei que esse número pode ser ínfimo se comparado a milhares de outros blogs por aí, mas tudo bem, o importante pra mim é me superar a cada dia, e isso já está acontecendo!

certoÉ realmente muito gratificante ver que em 3 meses tantas pessoas já passaram por aqui e melhor ainda, continuam voltando. Isso me diz que estou no caminho e me dá mais empolgação e força para continuar, ter conteúdos cada vez melhores e poder fazer desse nosso espaço um lugar cada dia mais especial.

Acredito que tudo em nossas vidas começa com uma ideia, se transforma em um sonho, depois se torna um objetivo.  E a partir daí, é preciso um pouco de inspiração e muita transpiração pra alcançar o que desejamos!

Por isso, vou continuar transpirando muito do lado de cá, pra poder inspirar vocês do outro lado, afinal fazer isso é algo que me dá muito prazer e hoje vejo que fiz a escolha certa quando coloquei o Espiral de Estilos no ar!

E vocês são a melhor parte de tudo isso, então, se tiverem sugestões, dúvidas e até reclamações, deixem nos comentários que vou adorar ler e responder a cada uma! 

Ilustração: Nancy Zhang

Se tem dois dons que eu admiro muito são saber cantar e saber desenhar, mas eu não tenho nem um, nem outro – Rs! Claro que a gente sempre pode estudar e praticar as coisas na vida, mas dom é dom! E é por isso que fico encantada quando me deparo com trabalhos criativos e cativantes como este da ilustradora Nancy Zhang.

Conheci esta moça super talentosa através do aplicativo CHICFEED, e entre tantos looks, o que me chamou atenção foi não só suas produções, mas os autorretratos super lindos e cativantes que ela coloca ao lado das suas fotos sempre bem produzidas. Então, se você é como eu e adora fotografia e ilustração, vem ver que amor o que a Nancy faz!

1a2b3caeta4d5e6f7certo8h9cetro10j

A artista mora em Berlim e suas ilustrações já saíram em diversas publicações. Ela não desenha apenas seus looks, então quem quiser conhecer melhor seus trabalhos é só acessar o site dela aqui.

E sabe o que achei mais legal? Poder ver os looks e desenhos antigos e perceber o quanto ela mudou com o tempo: os cabelos, os trejeitos, os traços dos seus desenhos e principalmente sua facilidade em se apropriar de vários estilos. Peguei uns trabalhos mais recentes, mas se olharem no nosso amigo google vão achar muitas fotos e ilustras dela bem novinha e vão entender melhor o que estou falando. Olha lá que vale a pena!

Adorei conhecer melhor esse talento. E vocês, o que acharam de Nancy Zhang?

Shoes by Paula Cademartori

PC5

Lembram que falei da brasileira Paula Cademartori por aqui? A designer, que mora em Milão e ficou super conhecida pelas bolsas lindíssimas que desenha, agora aposta em uma linha de sapatos para aumentar as coleções da marca e fazer a gente suspirar ainda mais.

PC3

 A criadora e as criaturas. E por sinal ambas são muito bonitas – Rs!

PC1

Mais coquis, que são esses desenhos iniciais que virarão produto. Quando estudei Planejamento de Coleção na faculdade e na Pós- Graduação deu pra sentir um gostinho de como leva tempo pra uma ideia virar produto… é preciso muitos rascunhos, testes e tentativas pra transformar uma inspiração na peça final que vemos nas lojas.

PC4

E sabendo do trabalho que dá, a gente passa a valorizar não só o produto final, mas toda a cadeia de produção. Por isso, acho muito legal poder ver uma ideia ainda no papel e depois o produto final, lado a lado.

PC2

E aqui tudo pronto, já nos pés dos manequins! A coleção é de inverno e além das sandálias lindas, tem essas botas de bico fino que estão prometendo vir com tudo nesta estação mais quente do ano e apareceram também no desfile da Moschino que mostrei aqui, lembram? 

Por enquanto é só uma amostra, mas considerando a qualidade das bolsas tanto no material quanto na criatividade e estética, a linha de sapatos tem tudo pra dar certo, né? Acho que não demora pra vermos muitas fashionistas com os seus passeando por aí.

Prometo que mostro tudo depois quando tiver mais detalhes… mas em uma primeira impressão, o que acharam?

Oba! Hoje é meu aniversário!

Oiii! Sei que hoje era dia de decoração aqui no blog, mas como disse pra vocês, quando fosse por uma boa  causa, a gente iria sair um pouquinho do planejado! E juro que a causa é nobre, afinal não é todo dia que faço aniversário, né? Rs!

E como o tempo passa rápido… outro dia estava fazendo os tão falados 18, e hoje já chegaram os 24 anos! Que sejam de sabedoria, então!

bolas

E neste dia, só posso agradecer por todas as coisas boas que tenho na minha vida: minha família, amigos e claro, esse nosso espacinho, que ainda é um baby, mas está crescendo a cada dia e me enchendo de orgulho!

Vou sair, passear, comemorar e fazer tudo que tenho direito, afinal hoje é meu dia e ele só acontece uma vez por ano! E só posso desejar muita saúde e que eu fique sempre rodeada de pessoas ótimas e energias boas, assim a gente conquista o mundo, certo?

Depois conto tudo pra vocês do que rolou no lado de cá!

Moschino e sua coleção de outono-inverno 2015/16

Parece que foi ontem que mostrei pra vocês a pré-coleção de outono-inverno da Moschino! Foi neste post aquilembro que gostei de muita coisa e achei a coleção bem mais comercial do que as anteriores. Porém, se tratando de Jeremy Scott, estilista da marca, tudo pode mudar! Vem ver comigo o que ele aprontou dessa vez – Rs!

blog1

Começando com as roupas super invernais no material e na modelagem, mas que diferente do que estamos acostumadas a ver, vem com cores fortes, florescentes e bem alegres, que geralmente não associamos a inverno, né? 

blog2

Depois das barbies, os personagens do momento são aqueles dos desenhos animados! E eles vem estampados em peças com pegada esportiva, que continuam em alta e quem gosta pode ficar feliz, pois ainda vamos ver muito elas por aí. E já perceberam que as peças de verão, com cores bem chamativas como laranja e azul não precisam ficar encostadas no fundo do armário no inverno? Elas podem continuar fazendo parte dos looks! Assim a gente consegue versatilizar ainda mais nosso guarda-roupa.

blog3

Toda coleção que se preze tem que ter os looks black! A cor mais democrática de todas, combinada ao meu queridinho cinza e ainda com acessórios dourados é muito amor mesmo, né? Eu adoro essa mistura! Olha as fotos aí em cima e me diga se não dá pra gente se inspirar e adaptar essa ideia com o que já temos em casa?!

blog6

O jeans repaginado! Não curto muito esse “patchwork”, mas fiquei feliz de ver que o dourado vem com tudo, pois deixa a gente com cara de ricah instantaneamente – Rs! E repararam nos sapatos de salto com carinha de all star? Lembro que quando eu era mais nova teve uma época que usou muito. Não tenho uma opinião formada sobre eles, mas acho que dependendo da pessoa e do look, talvez fique interessante…

blog4

Já falei aqui no blog algumas vezes que peças com pegada de customização estão vindo com tudo, lembram? Eu gosto bastante e achei o look do meio bem legal, mas pra minha realidade, prefiro que seja em peças menos chamativas ou então acessórios com essa pegada, que aí dá pra incorporarmos nas nossas produções sem ficar muito over, né?

helena

E pras fashionistas de plantão, a Helena Bordon se rendeu a Moschino e usou diversas peças da marca! Na primeira foto ela com uma produção vinda direto da passarela do desfile da Barbie, que foi a maior comoção no mundo fashion! Ali no meio, ela tá usando aquele vestido que eu elegi como o mais lindo da pré-coleção de inverno… e não é que eu estava certa? Rs! Adorei ele no corpo e com a jaqueta então, ficou demais! E por último, com peças deste desfile aí que acabei de mostrar pra vocês… Até que vendo assim, ficou fofo, né?

E vocês, o que acham da Moschino e do Jeremy Scott? Gostaram da coleção, usariam algo?

Vamos combinar assim?

Este blog, como a maioria das coisas boas da vida, surgiu com muita vontade de fazer dar certo, mas nenhuma experiência. E hoje, fazendo dois meses de blog no ar, posso dizer que aprendi um pouquinho mais de vocês, o que gostam… Ainda temos um longo caminho pela frente, mas devagar a gente chega lá, né? Pensando sempre em melhorar esse espaço que é nosso, resolvi organizar um pouco a casa e deixar tudo melhor por aqui!

Sem-Título-3

 

Que tal?

Segundas, quartas e sextas são dias com tema livre aqui no blog. Vou falar de tudo que amamos: resenhas, livros, bolsas, comidinhas, viagens, dicas de organização, comprinhas e o que mais der vontade!

Terças-feiras teremos um assunto que sempre bomba aqui no blog e vocês amam: decoração.

As quintas-feiras serão para nos inspirarmos e eu vou continuar trazendo looks e ideias legais! Além disso, estão me pedindo muito looks do dia meus aqui no blog. Sobre isso, o que posso dizer é que sempre gostei  mais de tirar fotos do que aparecer nelas e que esse não é meu foco no blog! Mas como pedido de vocês é algo muito importante por aqui, vou pensar em uma boa maneira de colocar essa ideia em prática.

Sábados são dias de pausa do nosso dia-a-dia corrido e por isso, aqui no blog, teremos reflexões ou mesmo um bate-papo sobre assuntos interessantes.

E uma novidade que faz meu coração bem feliz, pois é um assunto que amo, que estudo muito e que tenho o maior prazer de escrever sobre: história da indumentária e da moda, e claro, tudo mais que permeia esse universo! Os domingos serão dias de informação, de cultura, de curiosidades, pois é essencial pra quem gosta de moda saber um pouquinho mais da teoria por trás da prática e dos acontecimentos que nos trouxeram até aqui!

Vamos experimentar essa nova programação e ver como vai ser? Já adianto que não será nada engessado, tá? Se precisar fazer umas modificações aqui e ali, não tem problema, o importante é a gente passar um tempo legal juntos!

Espero que vocês gostem, curtam tudo isso comigo e deixem nos comentários sugestões, pedidos, dicas… esse espaço é nosso e fico muito feliz quando vejo vocês por aqui!

Óculos espelhados: será?

Que os óculos espelhados viraram uma febre em todo o mundo não é novidade… Porém, o motivo desde post sim, já que me surpreendi ao perceber que estava desejando um. É que diferente da maioria, eu nunca gostei desse tipo de óculos.

3

 

Da Gucci, o modelo é o 1069/s.  Vi dele em várias outras lentes, mas a espelhada é realmente a mais legal – Oi? Sou eu mesma falando?

2

Acho que olhando assim, não dá pra ver como ele realmente é diferente e bonito no rosto.

1

… mas olha ele aí! Não é lindo? E conheci esse óculos através da Carla Paredes, do F-utilidades. Ela gostou tanto do modelo que convenceu a mãe dela a comprar um igual!

Talvez tenha gostado porque se tratando dos espelhados que vemos por aí, esse ainda pode ser considerado “discreto”, digamos assim. Acho que ainda não vai ser dessa vez que vou me render aos espelhados, pois eles custam uma pequena fortuna, mas é bom saber que a gente sempre pode mudar de opinião sobre algo!

E aí, vocês gostam de óculos espelhados? O que acharam desse modelo?

Elas estão de volta?

Quando eu era beeem pequena, minha mãe me deu uma sandália da melissinha… lembro que ela já quase andava sozinha de tanto que eu usava, e só parei de sair com ela pra todos os lados quando ela deu o último suspiro. Isso eu devia ter uns 4 anos mais ou menos. Desde então eu tive alguns sapatos da marca e no auge da minha adolescência era a maior febre… as meninas tinham coleção de Melissa, o que não chegou a ser meu caso. 

A marca, que já fez parcerias com grandes nomes da moda como Alexandre Herchcovitch, Pedro Lourenço, Isabela Capeto, Karl Lagerfeld e Vivienne Westwood e até com outros profissionais da área do design como os irmãos Campana, me parece ter passado por um reposicionamento no mercado há algum tempo. Apesar das muitas releituras, estão chegando novos modelos também e claro que a gente fica curiosa pra ver, né?

Em Juiz de Fora as lojas foram todas reformadas e até inauguraram uma bem grande no Independência Shopping… Já fiquei várias vezes olhando a vitrine por lá, mas nunca tinha tido a curiosidade de entrar, até agora. Comecei a reparar em um modelo que anda aparecendo – timidamente ainda – em pezinhos por aí.

Se trata da Flox, que possui duas versões, a rasteira e a high.

rasteira

 O modelo é simples e na mão a gente não dá muito por ele, mas no pé eu gostei!

baixa

E algumas produções com ela… só achei looks legais pra mostrar pra vocês na transparente e na preta, mas existem várias outras – dá pra ver aqui. E esse modelo está custando R$ 130,00.

E a Flox High 

high

O salto, como dá pra ver, não é tão alto… acho que dá pra usar no dia-a-dia tranquilo.

E ela no pé! Ainda fico com um pouquinho de dúvida se gosto ou não… acho que tenho que experimentar pra saber com certeza, mas gostei bastante dela nesses looks aí:

alta

Tem várias cores também e dá pra comprar online aqui. Custa R$160,00.

E as Melissas de antigamente machucavam bastante, né? Acho que isso também é algo que mudou na marca, pois vi várias pessoas falando que os dois modelos são super confortáveis, o que pra mim é o ponto mais positivo, porque todo sapato me machuca em algum lugar e tenho a maior dificuldade de achar um que eu realmente possa usar o dia todo. 

Tô pensando em experimentar os dois modelos e ver o que acho no meu pé… E vocês, o que acham? Sim ou não pra Flox?

Leader by Marina Ruy Barbosa

As parcerias entre marcas, estilistas e personalidades com as fast fashions não são mais novidades, né? E o ano mal começou, já estão sendo anunciadas algumas delas e outras já estão indo pras lojas. É o caso da coleção da Marina Ruy Barbosa para a Leader, que chegou às lojas da rede nesta quarta-feira, 25.

As fotos são do site – que está vendendo a coleção online, mas fui ao Independência Shopping mais cedo conferir de pertinho e no final do post conto minhas impressões.

blog1

Essa é a capa do catálogo.. achei bem produzida e bonita!

blog2

A coleção conta com seis estampas, além de peças lisas em branco, amarelo e azul marinho.

blog3

Essa foi a estampa que achei mais legal. Fiquei curiosa para ver como essa calça flare fica no corpo, mas tive muita preguiça de experimentar e também não curto muito calças com essa lavagem mais manchada na perna.

blog4

Já o macaquinho eu experimentei, mas achei que não vestiu bem e confesso que tenho um pouco de implicância com essa manga mais ampla.

Dá pra ver que as peças chaves da coleção estão bem no shape dos anos 70, né?

blog5

Essa saia longa é bem bonita e o tecido tem um toque gostoso… se eu não tivesse comprado uma parecida, inclusive na própria Leader recentemente, teria experimentado.

blog6

Achei o modelo dessa blusa aí de cima bem bonita, mas de novo tem as mangas que não curto… o vestido do meio é bonitinho, mas nada que a gente já não veja por aí, né? E o longo tem uma modelagem que não costuma vestir bem em qualquer pessoa. Tem que experimentar mesmo pra ver – aliás, sempre devemos experimentar uma roupa antes de comprar, assim tem menos chance de levarmos algo que vai ficar parado no armário depois.

blog7

Gostei da estampa azul com flores amarelas no quimono, mas nos vestidos ficou um pouquinho sem graça… talvez porque eu esteja numa fase de quimonos mesmo e por isso olhe pra eles com outros olhos! E eles são mais curtinhos, perceberam?

blog8

Essa camisetinha do meio estava disponível nos diversos prints da coleção e esse short rosa não cheguei a ver por lá.

blog9

Das peças que experimentei, a blusa jeans foi a única que realmente cogitei trazer pra casa, porque apesar de bem fininha, adorei essa lavagem clara e os botões dela são rosê, super lindos… Uso muito essa peça e com uma calça jeans escura dá pra fazer um look all jeans bem charmoso! Só que a G ficou grande e a M não ficou certinha… segurei ela por um tempo, mas desisti e acabei deixando pra trás. 

Esse “colete” verde militar também me chamou atenção no catálogo, mas ao vivo é uma blusa acinturadinha com um tecido beeeeem fininho e tem uma modelagem super estranha.

blog10

E as peças em azul marinho: não achei nada de muito diferente do que já vemos na loja em coleções regulares e até cheguei mais perto pra ver esse último vestido, levei ele pro provador, mas odiei no corpo – além de ter de novo aquela manga que me incomoda.

Como vocês devem ter percebido pelos comentários, apesar de ter experimentado 5 peças, nenhuma delas veio pra casa comigo. O maior problema é que pra mim as peças estavam super caras para a qualidade dos tecidos e as modelagem deixaram muito a desejar… vi algumas pessoas levando peças pra casa e talvez por não ter um estilo gypsy – e os anos 70 não serem nem de longe minha década preferida na moda – nada tenha me encantado a ponto virar uma comprinha.

Sobre os acessórios: no catálogo estavam bem bonitos, mas ao vivo eram de materiais bem grosseiros e pra mim não valem o investimento. Já as sandálias plataformas de corda estão bonitas, vi em rosa e em azul marinho… se alguém estiver procurando por algo assim, dá uma olhada lá!

No geral, sei que a Leader é uma das lojas mais populares se compararmos com C&A e Riachuelo, por exemplo – que fazem essas mesmas parcerias. Mas ainda assim, as coleções regulares de lá tem peças com boa qualidade, sempre faço meus achados na loja aqui de Juiz de Fora e comparando à coleção da própria Leader com a Helena Bordon no ano passado, os preços eram bem próximos, mas a qualidade diferente, pois tinham tecidos bem bons, modelagem ok e estampas diferenciadas!

Então o problema foi realmente o custo benefício, que pra mim não fechava, entende? É o tal do consumo consciente que falo tanto aqui no blog e com ele que vejo que estou no caminho, cada dia aprendendo a pesar melhor minhas escolhas

Alguém foi lá ver? Me contem se concordam comigo ou se estou ficando exigente demais – Rs!

Camel color: a nova tendência

Vocês adoram quando eu falo de tendências aqui no blog e realmente é bem legal a gente ficar antenada nas passarelas e street styles para conhecer as novidades que prometem bombar a cada estação. Mas também acho muito importante ressaltar que o melhor disso tudo é podermos adaptar as tendências que gostamos ao nosso estilo e jogarmos sempre ao nosso favor, sem obrigação de usar algo porque todo mundo tá usando ou porque tá na moda!

blog1

 E olha aí a Gisele anunciando no desfile da Chanel que a cor Camel vem com tudo – Rs!

blog2

O tom, que é super democrático por ser neutro e permitir mil combinações teve seu lugar garantido nos desfiles de primavera/verão 2015 – por isso as sandálias nas três produções.

blog5

Para mim, a cor remete muito mais ao inverno, mas é legal poder brincar com as infinitas possibilidades que a moda nos oferece e abrir nossas cabeças para novas tentativas.

blog3

Brincando com os neutros dá pra fazer combinações bem lindas… O branco sempre dá uma iluminada – mas eu trocaria o sapato do primeiro look. O do meio é um chique meio despretensioso que muito me agrada! E preto é preto, não tem erro e fica elegante demais… E usar diferentes texturas é um ótimo truque pra deixar a produção mais interessante.

blog4

Uma boa forma de incorporar as tendências ao nosso estilo é através dos acessórios.

blog6

E aqui alguns looks com propostas bem diferentes, mas que deram certo. No primeiro, a combinação do casaco com a bota ficou super legal, o mix de estampas da blusa com a bolsa deu um charme todo especial e quebrou a sobriedade dos tons neutros. A do meio é o tipo de look que a gente repara nos detalhes pra ver o que tem de mais pra ter dado tão certo e não acha… é aquilo que dizem: menos é mais e prova que com escolhas simples se faz sim um look. No terceiro a cor aparece por baixo de um blazer, em uma versão listrada super usável e linda.

blog7

Quer fazer um look total camel ficar mais despojado e interessante? Adicione cores fortes, como o casaco vermelho da primeira produção. A segunda selecionei pra gente ver que dá pra usar a cor no verão sim, é só escolher peças mais fluidas e leves, combinadas com cores claras, que fica um charme. E a última é mais uma versão camel+preto que funciona… a saia curtinha é linda e dá pra ser usada com pernas de fora no verão e no meia fina inverno – e é com peças versáteis assim que a gente faz um bom armário.

blog8

E se você acha a cor muito sem graça, que tal combinar com peças que mudem todo o visual? Oncinha pra mim já é quase neutro, combina com tudo e deixa qualquer produção melhor. Se for combinada com peças coloridas como rosa, vermelho e verde então, é acerto! A do meio ganhou meu coração… adorei o suéter camel de poás – que já sai do lugar comum – combinado com o lenço laranja florescente! E pra fechar com chave de ouro um mix de estampas: listras + oncinha e um casaco camel pra finalizar… simples, interessante e possível de se inspirar né?

blog9

Olha que lindo esse look que a blogueira Camila Coelho usou… fiquei apaixonada! Viu que dá pra deixar as tendências com a nossa cara usando elementos que já fazem parte da nossa personalidade?

Dá pra montar looks chiques e interessantes com a cor Camel, né? E claro, sempre respeitando o nosso estilo! E aí, vocês veem essa cor como monótona ou como cheia de possibilidades?