Meus destinos para 2015

blog1

Eu amo viajar e conhecer novas pessoas, culturas e lugares. E é uma pena que eu faça isso tão pouco! Porém 2015 está aí e tenho um ano pela frente para me aventurar… vou dividir com vocês uma lista das viagens que pretendo fazer até o fim do ano… Claro que quero ir a milhões de outros lugares, mas vou focar nestes aqui e se conseguir, já será ótimo!

mariafumaça

Cidades históricas de MG: eu só conheço Tiradentes e acho isso uma vergonha. Fica tão perto e tem tanta cultura, arte e história nessas cidades, que não tem como não querer conhecer mais a fundo.

cataretas

Foz do Iguaçu: quando penso em Foz, só consigo pensar nas Cataratas! Gente, esse lugar deve ser incrível, com uma energia muito grande. E pelo que andei lendo, tem várias outras coisas legais pra conhecer por lá.

inhotim

Inhotim: Claro que essa viagem tem como foco o Instituto Inhotim. Outro lugar que me parece incrível e to doida pra conhecer… sei que tem muita coisa pra ver e vou precisar de no mínimo uns 2 dias por lá e ainda vai ser pouco!

ciudad-de-mexico

Cidade do México: E a menina dos meus olhos, Ciudad de México! Desde que comecei meus estudos em espanhol, fiquei fascinada pela cultura mexicana e suas raízes indígenas. E quero ir em novembro para conhecer de perto as festividades del Día de los muertos… Não vejo a hora de estar lá e vivenciar tudo isso.

É isso! A lista é pequena e tirando o México que fica mais longe e vai precisar de maior planejamento, todos os outros lugares são bastante acessíveis, né? Quem já tiver ido pra qualquer um deles e tiver dicas, deixa aqui embaixo nos comentários que vai me ajudar muito! E vocês, quais destinos estão planejando para 2015?

Desejando: bolsas customizadas

Oi, meu nome é Isabela e eu sou uma viciada em bolsas – rs. Pois é, dizem que todo mundo tem algum vício fashion e esse é o meu! Desde meus 10 anos mais ou menos, eu me lembro de sempre andar pra cima e pra baixo com alguma bolsa, e com o passar do tempo a minha paixão só aumentou.

Semana passada eu falei aqui sobre as bolsas lindas da Paula Cademartori. Hoje vim dividir com vocês meu desejo pelas bolsas customizadas. Elas não são novidade, mas de tempos em tempos voltam a aparecer e sempre me pego pensando em como são legais, pois além de darem um toque despojado aos looks e renovar aquelas peças que não usamos mais, também expressam muito sobre a personalidade de quem as carregam.

carrie

A customização de bolsas de marca caiu no gosto das fashionistas, mas a verdade é que qualquer peça que esteja precisando daquela repaginada pode ser suporte para experimentações. Acho que o mais interesasnte é a gente colocar a mão na massa e fazer algo que seja a nossa cara. E pra isso podemos usar alguns materiais como spikes, tinta/caneta para tecido ou couro, pedras de acrílico, strass, broches e o que mais quisermos e nossa criatividade mandar. 

  • A Rê Nunes, do My Best Wish, pegou uma chanel antiguinha e deu cara nova com desenhos feitos por ela mesma.

cust1

Para quem não quer se arriscar, existem profissionais especializados em customização de bolsas que fazem trabalhos incríveis e inspiradores:

  • Juliana Ali: Ela começou de brincadeira pintando sua speedy da Louis Vuitton. Mas fez tanto sucesso que virou um trabalho. E apesar da maioria das bolsas que ela já fez serem de marca, ela customiza qualquer uma, pode ser até aquela velhinha que tá esquecida no armário.

cost5

  • Klaucia Badaró: Artista plástica e design, seu trabalho é voltado para pinturas em artes sacras – que são lindas, mas faz algumas bolsas por encomenda.

kbessa

  • Year Zero: localizada em Londrina, a loja vende bolsas customizadas com animações e muita tinta escorrida por cima.

yearzero

  • Boyarde: Tem uma pegada bem Pop Art e diferente da YearZero, os desenhos são mais limpos visualmente.

boyarde

As marcas de luxo vivem fazendo novas versões de bolsas que remetem a customização – respectivamente Chanel, Louis Vuitton e Moschino.

chanel

lvcost

moschino

E aí, o que vocês acham? Uma customização feita por profissionais pode ir de R$400,00 até R$7.000,00 – uiiii! Confesso que prefiro as mais discretas, com aplicações de tachas, spikes, strass ou pedras pretas e transparentes, sem desenhos ou tinta escorrida. Assim dá pra fazer em casa né? Vou me arriscar e fazer eu mesma a minha. E vocês, o que acham das bolsas customizadas?

Sobre sonhar e poupar

poupar

Outro dia, passeando pela blogosfera, me deparei com esse post da Fran – do blog Morando Sozinha – sobre um desafio para 2015 de economizar dinheiro e realizar algumas das coisas que nos propomos a fazer todo início de ano.

Eis que me peguei pensando em como é difícil para mim poupar. E como acho que muita gente passa por isso, resolvi escrever sobre aqui no blog.

 Quando era mais nova, sempre guardava meu dinheiro pra usar com algo que quisesse muito, fora isso ele ficava guardadinho e eu tinha maior orgulho disso! Depois que comecei a trabalhar e ganhar um dinheiro que era conquistado, acho que tive uma sensação de que se tinha muito suor pra ter, eu merecia comprar as coisas que desejava. Porém, como a lista de desejos nunca acaba, de pouquinho em pouquinho eu acabava comprometendo toda a minha renda.

E dois dos meus maiores problemas:

  • usar cartões de crédito: se pensarmos bem, cartões nada mais são do que um dinheiro emprestado. Se a gente não pega empréstimo em banco todo mês, porque gastamos no cartão todo mês? Eles também têm altas taxas de juros!
  • a facilidade de comprar pela internet: como os e-commerces deixaram a gente mais consumista, né? Vemos algo e nem precisamos sair de casa para ter. E todo dia anunciam “descontos incríveis”, aí corremos o risco de comprar muita coisa sem precisar, só porque está “com aquele preço imperdível”.

Sempre achamos que uma comprinha ali e outra aqui não tem problema… Pois é, mas tem, porque quando vemos, de pouco em pouco gastamos muito e aqueles desejos realmente grandes ficam sendo adiados porque não pensamos neles todos os dias e sim em longo prazo.

E como mudar isso? Acho que não existem fórmulas mágicas, é preciso mudanças de hábitos e isso é um processo… Tem que querer muito e fazer acontecer.

Depois de muito arrependimento com gastos desnecessários, comecei a ficar mais atenta e consciente. Além de anotar todos os meus gastos para saber para onde meu dinheiro está indo, anoto também meus desejos e estipulo prazos e maneiras de cumprir. E essa listinha fica sempre a mão, assim vou tomando pequenas atitudes no dia-a-dia para conquistar um objetivo maior no final.

E espero que assim, em 2015, meus hábito financeiros se tornem mais saudáveis e eu consiga realizar aquelas coisas que são realmente importantes para mim! E vocês, estão conseguindo poupar?